terça-feira, 11 de outubro de 2011

Aviso prévio é ampliado para até 90 dias

Aviso prévio proporcional de 3 dias

A Câmara dos Deputados aprovou o projeto de lei do Senado que aumenta o tempo de aviso prévio para os trabalhadores com mais de um ano no mesmo emprego. Como os deputados não alteraram o texto do Senado, o projeto segue agora à sanção presidencial. Pelo texto aprovado, o aviso prévio para quem ficar até um ano no trabalho será de 30 dias. Para os que permanecerem por mais tempo, será computado ao aviso mais três dias por ano trabalhado. O projeto limita o tempo máximo do aviso prévio em 90 dias. Todos os partidos encaminharam favoravelmente à aprovação do projeto, que está tramitando no Congresso Nacional desde 1989. Foi feito um acordo entre todos os partidos para que não houvesse alteração no texto do Senado a fim de evitar que o projeto retornasse àquela Casa para nova apreciação. Após sanção da presidente Dilma a regra ja começa a valer para quinta-feira dia 13 de outubro de 2011.

A versão dos empresários sanguessugas

No entanto, logo após a vigência da lei, uma corrente de empresários que pensa em lucrar a todo o custo formulou uma teoria onde em vez de 3 dias a mais por ano, o trabalhador só teria direito aos três dias depois de dois anos. É uma miséria mental pensar assim. Mas sabe como é: sanguessuga é sanguessuga!

sanuessuga, vampiros, empresario capiltalista

Pô! Não basta pagar uma miséria, fazer horas extras por fora do cartão, não pagar insalubridade, não assinar carteira... etc.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião ou sugestão.