Pular para o conteúdo principal

Atos dos Opostos

Incentivo à violência em estádio agora dá cadeia

O Plenário do Senado aprovou, na noite de quarta-feira (7), projeto (PLC 82/09) que torna mais rígidas as punições contra torcedores que praticarem ou incentivarem violência dentro dos estádios e ginásios, nas ruas próximas ou em pontos de ônibus ou trens que levam passageiros para os jogos. Até cânticos (ofensivos) de torcedores ou xingamentos a jogadores e juízes, e ainda a apresentação de faixas com ofensas, serão punidos com detenção e proibição de assistir jogos por até três anos. O projeto acrescenta vários artigos ao atual Estatuto de Defesa do Torcedor.

violência, estádios, torcidas organizadas, briga
brigões acalmai vossos animos...

Torcedores detidos por violência ligada a jogos poderão ser presos por até três anos. O projeto, que será enviado à sanção do presidente da República, proíbe que os torcedores entrem nos estádios com fogos de artifício, bebidas ou objetos que possam ser usados em agressão física. Também estarão sujeitos a punição os torcedores que arremessarem objetos contra outros assistentes ou contra jogadores e juízes. A invasão do campo será igualmente punida com prisão e proibição de comparecer a jogos por até três anos. Hoje, o Estatuto do Torcedor prevê afastamento dos estádios por, no máximo, um ano.

O projeto foi apresentado pelo deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP), logo após uma briga de torcidas, em agosto de 1995, no Estádio Pacaembu, em São Paulo. Na Câmara, outros projetos sobre o assunto foram incorporados ao seu texto. Enquanto tramitava, entrou em vigor, em 2003, o Estatuto de Defesa do Torcedor (Lei 10.671/03). 

No Senado, o projeto de Chinaglia foi relatado favoravelmente, sem mudanças, pelos senadores Sérgio Zambiasi (PTB-RS) e Romero Jucá (PMDB-RR), nas Comissões de Educação, Cultura e Esportes (CE) e de Meio Ambiente, Defesa do Consumidor e Fiscalização e Controle (CMA).
O atual Estatuto do Torcedor não tem mecanismos suficientes de fiscalização e punição aos infratores. Por isso, as novas medidas são necessárias, inclusive para proteger os torcedores fora dos estádios
- afirma o senador Zambiasi em seu parecer.

Pelo projeto, o poder público e os responsáveis pelos estádios e pelos jogos ficarão encarregados de fazer a fiscalização das torcidas organizadas. Todos os estádios com capacidade para até 10 mil torcedores terão de receber equipamentos de gravação, tanto nas entradas e bilheterias quanto no seu interior, especialmente arquibancadas. Hoje, só se exige tais gravações nos estádios que recebem mais de 20 mil assistentes.

O projeto busca também responsabilizar civilmente as torcidas organizadas, que serão obrigadas a manter um cadastro dos seus associados, com fotos e endereços. Caso algum integrante da torcida organizada cometa alguma infração, toda a organização será responsabilizada. Até prejuízos causados por estes torcedores poderão ser cobrados da organização. As autoridades e os administradores de estádios e ginásios deverão colocar nas entradas e na internet a relação dos torcedores infratores.

Cambistas
Fica ainda a Justiça autorizada a criar juizados do torcedor, que poderão funcionar inclusive dentro dos estádios, nos dias de jogos. O projeto procura , adicionalmente, coibir a atuação de cambistas, prevendo cadeia de um a dois anos, além de multa, se uma pessoa for flagrada vendendo ingressos por preço superior ao estampado no bilhete.

Já quem fornecer, desviar ou facilitar a distribuição de ingressos para venda por preço superior ao do bilhete poderá pegar cadeia de dois a quatro anos, mais multa. A pena será aumentada em até metade do tempo se o agente for servidor público, dirigente ou funcionário de entidade de prática desportiva.

fonte: Agência Senado

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

As jornalistas mais belas do século passado

Não é tarefa fácil fazer uma listagem das jornalistas mais bonitas, belas, gatas, tchuki tchuki, fofinhas, inteligentes e, com o devido respeito, por que não dizer - gostosas da televisão brasileira, ainda mais quando se tem uma TV que só sintoniza 6 canais. A idéia aqui não é realizar um concurso, mas simplesmente divulgar essas belezuras, e a ordem em que estão posicionadas não significa necessariamente preferência por esta ou aquela. Contemplem!

PS. complementamos a lista conforme sugestões foram indicadas nos comentários. Mas como a cada dia surgem nova beldades... esse post não teria mais fim.

Wing Chun kung fu - tenha aulas online e de graça

O Wing Chun (Ving Tsun ou Wing Tsun) é dos muitos estilos de kung fu. Originado no sul da China se distingue pela economia de movimentos e sem movimentos rebuscados. A principal causa do crescimento deste estilo no ocidente deve-se a seu praticante mais famoso, Bruce Lee, (discípulo de Yip Man), que mais tarde viria a modificá-lo criando o Jeet Kune Do. Wing Chun foi criado por uma monja shaolin. É um sistema simples e eficiente. Saiba na Wikipédia.
Nada substitui a prática de alguma arte sem um professor. Mas se você quiser ter umas lições online de  kung fu estilo Wing Chun em vídeos do youtube, comece com este abaixo. Ao final aparecerá uma link para o segundo e assim por diante. São dezenas de vídeos em alta qualidade disponibilizada pelo mestre Wong. Se quiser, use este programa para baixar os vídeos para o seu HD e treinar na comodidade de sua choupana.

Shakira: fotos sensuais da cantora colombiana

Shakira sensual Shakira Isabel Mebarak Ripoll, ou simplesmente Shakira, cantora compositora, coreógrafa, produtora, filantropa e dançarina colombiana. vencedora de inúmeros prêmios musicais. Isso todo mundo já sabe, assim com também sabe o quão bela é esta colombiana que em 2 de fevereiro de 2009 completou seus 32 aninhos. Mas Não custa dar uma olhadinha de novo nessa beleza de mulher.